Menu

Seminário aponta pontos de combate à violência doméstica e contra animais

A desembargadora Lenice Bodstein durante o evento (foto divulgação)

A II Semana Justiça pela Paz em Casa, com o tema “Violência Doméstica e os animais de estimação”, aconteceu no final de novembro no auditório do Hospital Veterinário da UFPR. Entre os participantes estavam a desembargadora  Lenice Bodstein do Tribunal de Justiça do Paraná, Coordenadora do CEVID; o juiz e professora da UFPR Vicente Ataide Junior; a representante da Policia Civil do Paraná, Claudia Martins de Souza, além de representantes da Patrulha Maria da Penha, alunos do Projeto de Extensão “Medicina Veterinária em Ação nas Comunidades”, pós-graduandos e outros membros da comunidade.
A desembargadora Lenice fez uma explanação da atuação do CEVID no enfrentamento da violência contra a mulher, com ampla discussão sobre o tema. Na sequência o juiz Vicente Ataíde abordou a temática sobre o Direito dos Animais. Após os debates, quatro pontos principais foram identificados para que a violência contra a mulher e os animais de estimação possam ser enfrentados conjuntamente: a medida protetiva se estender a todos os vulneráveis, incluindo os animais de estimação; reconhecer os maus-tratos como problema de saúde pública; necessidade da integração das informações sobre a violência contra a mulher e os maus-tratos aos animais, bem como os outros tipos de violência interpessoal; e a obrigatoriedade dos municípios terem serviço para o atendimento de denúncias de maus-tratos aos animais.

A professora Rita (esq) e palestrantes do evento (foto divulgação)

O tema da violência interpessoal e os maus-tratos aos animais, denominado Teoria do Elo, vem sendo pesquisado mais fortemente na América Latina nos últimos anos, com grupos de pesquisa na UFPR, USP, Unesp e UFMG. O Departamento de Medicina Veterinária do Setor de Ciências Agrárias tem várias linhas de pesquisa centradas na Teoria do Elo, envolvendo alunos de projetos de extensão, iniciação científica, residentes e pós-graduandos sob a orientação da professora Rita de Cassia Maria Garcia (ritamaria@ufpr.br). Segundo ela, nos Estados Unidos o FBI já possui um banco de dados que cruza os diferentes crimes e os maus-tratos aos animais. “Muitos avanços precisam ser feitos no Brasil para o enfrentamento da violência interpessoal e os maus-tratos aos animais, mas os primeiros passos já foram dados”, diz ela.

Curitiba, 14 de dezembro de 2018

Redes Sociais

UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Youtube
Universidade Federal do Paraná
Setor de Ciências Agrárias
Rua dos Funcionários, 1540 - Juvevê
Fone: +55(41) 3350-5620/5800
Curitiba (PR), Brasil

UFPR no Facebook UFPR no Twitter UFPR no Youtube
Setor de Setor de Ciências Agrárias
Rua dos Funcionários, 1540 - Juvevê
Fone: +55(41) 3350-5620/5800
Curitiba (PR), Brasil

Imagem logomarca da UFPR

©2019 - Universidade Federal do Paraná - Setor de Ciências Agrárias

Desenvolvido em Software Livre e hospedado pelo Centro de Computação Eletrônica da UFPR